quarta-feira, 14 de janeiro de 2009

Efeito Piazzolla - um poema de Marcia Cavendish Wanderley

Ontem, pela primeira vez
Não foi a sala escura,
não só isto
Nem aquele tango , homenagem absurda
a uma estória espúria

talvez uma alucinação provocada
por nuvens de cigarros, e pela música que move
as sombras na sala , ao cair da tarde
talvez ...

Sei apenas que tinha a forma da dor,
mas não pungente,
palavra banal, cafona, até baixo calão
segundo aqueles que entendem,

Cruenta, sim, isto foi, no lado errado
do peito imaginário.
Um enfarte ao contrário.

Não me matou, mas quase
acreditei, com pudor ,
que era aquela coisa inexistente
entre nós dois...

nuvem volante, vinda do oriente
pássaro áspero pousado no deserto
sem deixar rastro
na ondulada areia-herança,
do nada

Nenhum comentário:

Postar um comentário