terça-feira, 8 de abril de 2014

High Stakes (Troia)



( I wrote this while reading Troia: Mexican memoirs,
 by Beat writer Bonnie Bremser; I dedicate it to her!)


High stakes (Troia)

There are things you do,
once or twice, for love.
And that’s it.  Others,
perhaps, for money, or
for someone to bring you across
a thinning bridge, a fractured
border.  The bells are ringing
at the top of the mountain,
the place where the pilgrims
went  on their grueling journey,
on hands and knees the last few miles.
Yellow mutts barking into the
morning sun.  You know
no one will believe your story.
And the baby, she just won´t stop
that damn crying.


Apostas Altas (primeira tentativa de tradução)


Há coisas que você faz
uma ou duas vezes
por amor.  E é isso.
Outras, talvez, por dinheiro,
ou para que alguém
te atravesse uma ponte que está
minguando, alguma fronteira fraturada.
Os sinos estão tocando
no alto da montanha,
aquele lugar onde os peregrinos
chegavam da maçante romaria,
andando as últimas milhas de quatro.

Vira-latas amarelos latem ao sol da manhã.
Você sabe que ninguém vai acreditar
nessa versão que você conta.  E o neném, que
não quer parar com essa puta
choradeira.

  - Miriam Adelman

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário